O que esperar de Better Call Saul (contém spoilers!)


Há alguns dias comentei aqui o quanto eu estava ansiosa pela estreia da terceira temporada de BCS, série da Netflix feita pelos mesmos criadores de Breaking Bad. Eis que após 4 episódios, eu já consegui matar um pouco da saudade e fazer minhas apostas sobre o que esperar desses novos capítulos. Por isso, cuidado: vai ser difícil não soltar spoilers.

Se você caiu de paraquedas aqui, vou tentar resumir sobre o que se trata BCS: ela é um spin-off de uma das séries de maior audiência do mundo (Breaking Bad) e tem como protagonista o advogado Saul Goodman, um cara indisciplinado que está tentando prosperar financeiramente e conquistar um lugarzinho ao sol. Então, obviamente, para entendê-la você vai precisar assistir a trama principal primeiro... nem adianta logar o Netflix se você não faz ideia de quem seja Walter White. Meu conselho: corra para ver BB agora mesmo e, depois, volte para esse post. Mas, se já tiver feito isso, relaxe: podemos seguir adiante. :)

Para começo de conversa: esta temporada está mara! Como toda a história se passa 6 anos antes, é óbvio que o Saul está bem diferente daquele cara que conhecemos em Breaking Bad - bem mais ingênuo e bem menos pilantra. Porém já consegui notar uma leve mudança de caráter da primeira temporada para cá. Acho muito interessante a proposta da série de mostrar todas as transformações do protagonista.

E, como já esperávamos, a série continua resgatando personagens das cinzas. Primeiro Mike, e agora, na terceira temporada, a secretária Francesca e Gus Fring, o gerente da Los Pollos Hermanos. É uma das coisas que eu mais tenho gostado em BCS: a possibilidade de rever alguns personagens que eu amava em Breaking Bad! :)

Nessa pegada, e baseada em o que vi até agora, eu tenho algumas apostas:

A de que a série continuará resgatando personagens do limbo, como Hank Schrader, cunhado de Walter White


Se você assistiu Breaking Bad, sabe que Hank Schrader é um dos policiais mais casca-grossas do Departamento Anti-Drogas do Novo México. Sabe que o cara está na cola de vários traficantes há anos (os primeiros capítulos de Breaking Bad deixam isso bem claro). E sabe que Gus Fring é um desses traficantes. Como já rolaram algumas cenas envolvendo policiais do DEA, eu só juntei os pontos. Vamos ver se os próximos episódios confirmam a minha teoria.

A de que Jesse ou Walter aparecerão a qualquer momento


E como meros figurantes! Digo isso porque BCS também se passa em Albuquerque, tendo como cenário as mesmas locações de Breaking Bad. Então, a cada episódio, eu tenho a impressão de que verei Jesse ou Walter fazendo figuração na cidade. Pode ser que nem role, mas que seria legal, seria.

A de que Saul dará a volta por cima no final da série

Sabemos como a trajetória de Saul Goodman termina em Breaking Bad: com ele assumindo nova identidade e fugindo de Albuquerque. Sabemos também o que aconteceu depois disso: onde ele está trabalhando e como está vivendo. Mesmo assim, tenho a impressão de que, apesar dos pesares, o protagonista dará a volta por cima na temporada final. Fazer o que, né? Eu gosto de finais felizes. Hahaha!

A de que Walter White está vivo!


Apesar de Breaking Bad ter um final emocionante, tenho de admitir que nunca acreditei muito nele. Para mim, Walter está vivo. Ou vocês acham que Bryan Cranston apareceu recentamente no set de gravações de BCS só para dar um oi pra galera?

Better Call Saul está disponível na Netflix, com novos episódios toda terça. E você, já assistiu ou pretende assistir? O que achou das teorias desse post? :)

Veja também:

0 comentário(s)

Instagram Images